sábado, 16 de setembro de 2023

É necessário estudar a Bíblia ou apenas ler?


"— Assim diz o Senhor: Não se glorie o sábio na sua sabedoria, nem o forte, na sua força, nem o rico, nas suas riquezas. Mas aquele que se gloria, glorie-se nisto: em me conhecer e saber que eu sou o Senhor e faço misericórdia, juízo e justiça na terra; porque destas coisas me agrado, diz o Senhor." Jeremias 9:23-24

A vontade de Deus é que todos os que creem em Seu

nome e que entregaram suas vidas ao senhorio de Cristo, busquem conhecê-lo, não apenas lendo as Escrituras, mas estudando Sua Palavra. Orando e realizando seu devocional diário, não se conformando somente em ouvir as palavras do sermão no domingo, mas durante a semana, fazendo isso, você conhecerá o que Paulo disse na carta aos romanos:

"E não vivam conforme os padrões deste mundo, mas deixem que Deus os transforme pela renovação da mente, para que possam experimentar qual é a boa, agradável e perfeita vontade de Deus." Romanos 12:2

Quero te fazer uma pergunta: O que torna uma igreja grande?

Placa chamativa? O grande número de membros? o impacto que o pastor tem? seu status na sociedade? O tamanho do prédio? ou seu financeiro? Não, absolutamente nada disso! O que torna uma igreja grande é como ela lida com a Palavra de Deus: "Ora, estes de Bereia eram mais nobres do que os de Tessalônica, pois receberam a palavra com toda a avidez, examinando as Escrituras todos os dias para ver se as coisas eram, de fato, assim.” Atos 17:11


A palavra “avidez” significa desejo intenso por alguma coisa. Imagine uma pessoa quando passa muito tempo sem alimento ou sem água, e quando os recebe come com muita vontade, por causa da extrema necessidade de seu organismo. Talvez este seja um dos aspectos mais importantes de uma igreja que cresce em direção a Deus: Sede de Deus. A busca por conhecer a Deus, é isso que torna uma igreja grande.

Você sabia que todo cristão necessariamente é um teólogo, queria ele ou não. O simples ato de alguém ler uma passagem bíblica, e fazer perguntas já é, em algum nível, fazer teologia. Isso significa que o cristão não pode escapar do estudo bíblico. A pergunta aqui é: somos bons ou maus estudantes da Bíblia? Ou melhor: Nosso conhecimento de Deus é correto ou equivocado?

Estudar a Bíblia aperfeiçoa a vida cristã e conduz o crente à adoração a Deus ao passo que aprofunda o seu conhecimento da revelação divina. Um estudo fiel e coerente com as Escrituras aquece o coração do santo e alimenta sua devoção ao Senhor. Jamais podemos nos esquecer que o principal alvo do estudo é a glória de Deus.

Em segundo lugar, a Bíblia diz que a fé é indispensável para a nossa salvação e o nosso relacionamento com Deus. Mas o que a fé tem a ver com estudo bíblico? A verdadeira fé possui conteúdo! Não basta apenas crer em qualquer informação para ser salvo, é preciso crer no conteúdo correto. O objetivo da fé verdadeira é Cristo, e quando os crentes creem em Cristo isso envolve compreensão, aceitação e confiança absoluta.

Diariamente somos atacados por diversos modelos que pregam uma verdade alternativa, ou sistemas de pensamentos religiosos ou ideologias seculares que tentam se equiparar à verdade bíblica. Mas devemos saber que a fonte da verdadeira doutrina é a Bíblia, e não sistemas filosóficos, psicologias ou regras. Consequentemente, estudar a Bíblia acaba corrigindo certas ideias, conceitos ou interpretações que possamos ter acerca de algum tema bíblico que não esteja de acordo com a verdade de Deus revelada em Sua Palavra.

Seja por causa da corrupção do pecado, ou mesmo por simples ignorância, muitas vezes nos posicionamos de um modo equivocado e contrário às Escrituras. Mas de uma forma ou de outra, não temos permissão para distorcer as verdades bíblicas.

A Bíblia diz: "O meu povo está sendo destruído, pois lhe falta o conhecimento. Oseias 4:6a


Infelizmente em muitos círculos cristãos doutrinas estranhas às Escrituras acabam ganhando espaço. Isso resultou não apenas num afastamento dos princípios bíblicos, mas numa visão distorcida do que realmente é ser cristão.

Para muitos, por exemplo, doutrinas simplesmente é sinônimo de imposição de usos e costumes, regras rígidas de estéticas, e certas proibições de convívio social. Esse tipo de visão é completamente equivocada e acaba por privar as pessoas da verdadeira doutrina bíblica acerca do que significa viver neste mundo como um genuíno seguidor de Cristo de modo a glorificar a Deus em todas as coisas.

"Portanto, se vocês comem, ou bebem ou fazem qualquer outra coisa, façam tudo para a glória de Deus." 1Coríntios 10:31

O costume das pessoas fazerem suas próprias adições às doutrinas das Escrituras é muito antigo. Citando o profeta Isaías, o próprio Senhor Jesus denunciou a hipocrisia daqueles que viviam da aparência gerada por doutrinas humanas: " Este povo honra-me com os seus lábios, mas o seu coração está longe de mim. Mas em vão me adoram, ensinando doutrinas que são Preceitos dos homens." Mateus 15.8-9

O apóstolo Paulo também escreveu sobre a inutilidade das doutrinas dos homens: “Não toque nesta coisa”, “não prove aquela”, “não pegue naquela”. Todas essas proibições têm a ver com coisas que se tornam inúteis depois de usadas. São apenas regras e ensinamentos que as pessoas inventam." Colossenses 2:21-22. Basicamente todo o conjunto de ensinamentos contrários ou além do que a Bíblia diz, é uma falsa doutrina – Saiba que existe outras falsas doutrinas que são perigosas. O mesmo apóstolo ainda alertou que nos últimos tempos as pessoas não suportariam a sã doutrina e tomariam para si mestres que ensinariam aquilo que lhes dá prazer; elas dariam ouvidos a espíritos enganadores e a doutrinas de demônios. (1 Timóteo 4.1-2), aqui quero citar a doutrina da teologia da prosperidade, que ensina que se você não der a quantia que o líder religioso pede, você não será abençoado ou se você não conseguir dar o dinheiro, você estar em pecado. Absurdo isso! Sem sombras de duvidas já estamos vivendo dias assim! Outra, é chamar alguém de apostolo, sendo que a bíblia diz que é impossível existir nos dias de hoje, ver o post sobre o assunto: https://www.fatosevestigios.com/2023/06/ainda-existe-apostolo-nos-dias-de-hoje.html, hoje muitas igrejas estão aceitando que mulheres sejam pastoras, outra doutrina falsa, ver o post sobre o assunto: https://www.fatosevestigios.com/2023/08/mulher-pode-se-tornar-pastora.html.

O grande problema das igrejas de hoje, é que as pessoas não se sentem mais atraídas pela palavra de Deus. Você tem sede da Palavra? Deseja conhecer a Deus? Saber a vontade de Deus para sua vida? Conhecer mais a Cristo? Os crentes de Bereia demonstravam este anseio de saber as verdades de Deus. Os crentes de Bereia não tinham como característica apenas ler a Bíblia, mas eram criteriosos no estudo da Palavra. É importante não apenas ler as Escrituras, mas examinar, estudar cuidadosamente a Bíblia. O que muitas vezes acontece é que as pessoas apenas escutam ou só pegam palavra de Deus somente na hora do culto, quando saem da igreja não tem interesse de saber o que ela realmente foi ensinado, se realmente é verdade o que foi pregado no sermão. E Líderes religiosos escolhemos determinados textos que as pessoas gostam de ouvir, e ficam lendo apenas estes textos, inflando o ego das pessoas, somente para agradar as pessoas, não falam a verdade, não exortam com medo do que as pessoas vão pensar dele. Hipócrita! A Bíblia diz: “Nos últimos tempos as pessoas não suportariam a sã doutrina e tomariam para si mestres que ensinariam aquilo que lhes dá prazer; elas dariam ouvidos a espíritos enganadores e a doutrinas de demônios.” (1 Timóteo 4.1-2)

Pedro era líder, mas não deixou se abater, em meio a isso falou uma frase impactante em atos 5.29: "Então Pedro e os demais apóstolos afirmaram: — É mais importante obedecer a Deus do que aos homens."

Que sejamos como os cristão de Bereia, que possamos examinar continuamente as Escrituras Sagradas, para confirmar se aquilo que o ouvimos e lemos realmente é a palavra de Deus ou mais uma doutrina de homens. Sem isso, se torna fácil para muitos líderes religiosos difundirem suas doutrinas heréticas com toda liberdade, ao ponto de seus seguidores confiarem mais no que diz tais líderes do que na própria Palavra de Deus. Por isso muitas pessoas dão ouvido e aceitam pregações e ensinamentos contrários à Palavra de Deus, porque simplesmente não examinam (estudam) as Escrituras como os bereanos faziam, muitos cristãos de hoje obedecem cegamente seus líderes sem pestanejar.

"Jesus respondeu: — O erro de vocês está no fato de não conhecerem as Escrituras nem o poder de Deus." Mateus 22:29

Termino esse estudo com as palavras de Paulo: "Mas, ainda que nós ou um anjo dos céus pregue um evangelho diferente daquele que pregamos a vocês, que seja amaldiçoado! Como já dissemos, agora repito: Se alguém anuncia a vocês um evangelho diferente daquele que já receberam, que seja amaldiçoado!" (Gálatas 1:8-9)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se gostou, comente, deixe sua sugestão ou uma nova pergunta...